Marianne

Eu liguei no seu celular para saber
Se aquela arma que você mantém engatilhada em seu pescoço
Pode esperar até amanhã...
E amanhã ligarei novamente,
Pois assim sempre estarei adiando:
- Aquilo que você quer muito
- Aquilo que eu jamais quero

Você está na dúvida se o fio azul ou vermelho
Poderá fazer com que a bomba do seu coração pare
E você reza por isso
Mas deixe o terço descansando
Vamos jogar a vida na sorte de uma roleta
Não se preocupe, eu fecharei meus olhos se ficar com medo...
Afinal, são as estradas que sempre nos seduz á um caminho novo

Chore quando sentir vontade
Eu juro que fingirei que não estarei vendo
E contarei uma piada estúpida
Inventarei uma história que roube um pouco de sorriso de nós
Então não se preocupe com o que eles estão pensando
Enquanto isso vamos sentar e beber mais uma cerveja
Somos irmãos, temos um ao outro até mesmo na melancolia
No desprezo da multidão que se assusta com nossa música fora de moda

No fim da noite eu confio que irei voltar para o meu quarto
Limpar meu coturno de mais um rock repetido
E quando acordar, a minha certeza me dirá que você vai responder,
Quando eu ligar mais uma vez no seu celular pra saber...
Marianne

 Mais uma das músicas que "cantam e falam por mim"

I see you, you see me
Banda: The Magic Numbers

Me Vejo Em Você

Eu nunca quis amar você, mas tudo bem
Eu sempre soube que você me abandonaria, de qualquer modo
Mas, querida, quando eu te vejo, eu me vejo

Eu perguntei aos garotos se eu poderia sair e brincar
Eles sempre disseram que você me machucaria, de qualquer modo
Mas, querida, quando eu vejo você, eu me vejo

Está tudo bem, eu nunca pensei que eu me apaixonaria de novo
Está tudo bem, eu a vejo como minha única amiga
Está tudo bem, eu nunca pensei que poderia sentir essa coisa
Correndo, correndo nas minhas veias
Parece que aconteceu de novo

Eu nunca pensei que você queria que eu ficasse
Então eu deixei você com as garotas que vieram com você
E, querido, quando eu o vejo, eu me vejo
Eu pensei muitas vezes que você ficaria melhor sozinho
Por que desenhar um círculo em volta de um homem com ossos quebrados?
Mas, querido, quando eu o vejo, eu me vejo

Está tudo bem, eu nunca pensei que eu me apaixonaria de novo
Está tudo bem, eu a vejo como minha única amiga
Está tudo bem, eu nunca pensei que poderia sentir essa coisa
Correndo, correndo nas minhas veias
Parece que aconteceu de novo

Você sempre parecia como se tivesse mais alguma coisa na mente
Mas quando eu tentei dizer a você, você me disse 'deixa pra lá'
Mas, querida (o), quando eu te vejo, você me vê

Eu quero te dizer que eu nunca amarei outra pessoa
Você quer me dizer que ficaria melhor sozinha
Mas, querida (o), quando eu vejo você, você me vê

Isso não é como eu sou, [4x]
isso não é o que eu faço
Isso não é como eu sou,
eu acho que estou apaixonado por você

[2x] Isso não é como eu sou [eu nunca pensei]
Isso não é o que eu faço [eu nunca pensei]
Isso não é como eu sou [eu nunca pensei]
Eu acho que estou apaixonado por você [eu nunca pensei]
-
-
Que eu poderia sentir essa coisa
Correndo, correndo nas minhas veias

E parece que
Eu sinto essa coisa
Correndo, correndo nas minhas veias
Parece que aconteceu de novo

Marianne
Cada dia vivido é como um livro escrito...
Todos os amigos e suas vidas formam um elo
E eu choro a tristeza de todos eles
E eu celebro a alegria de todos nós
Como se minha alma caísse do céu e se despedaçasse
E cada pedaço é um amigo
Que divide o mesmo copo e senta na mesma mesa
Há uma corrente que nos amarra e nos interliga
Ter alguém que possa acompanhar tudo o que você faz
Alguém que não é somente um espectador
Mas um companheiro a dividir o mesmo palco

É que notei esse câncer que chamamos de vida
Que nos mata dia após dia
Tem como morfina seus amigos...

Não sou uma ilha...
Marianne


Tenho visto essa trilha se estender diante dos meus olhos
Mas não enxergo o futuro, tudo está tão embaçado...
Todas as placas me dizem que estou seguindo o lado errado
Porem deixe-me perder um pouco a cabeça para poder perder você
Mais uma noite para que eu possa te ver humilhado por sua incapacidade
Por debaixo de mim...
Pois no final estive ao lado de um cara que se daria melhor como mulher
Estou prestes a chutar a base da sua torre e acabar com o que você conquistou...
Conquistou fazendo de mim mais um peão no seu jogo de xadrez
Cada passo que dou deixo nas areais do tempo a minha passagem
E eu estou mais tempo nessa que você esperando a chance...
Eles me falam que é loucura
Mas não existe perdão sem vingança
Agora eu quero ver você perder até a sua última gota de felicidade
“Obrigada pelas memórias, embora não tenham sido tão boas assim”
Um oceano não é suficiente pra afogar minhas mágoas
E você não conhecia bem a pessoa com quem falhou...
Deveria haver punição para crimes sentimentais!
Marianne

Explore o desconhecido e achará o fabuloso.

Marianne