Marianne

Eu liguei no seu celular para saber
Se aquela arma que você mantém engatilhada em seu pescoço
Pode esperar até amanhã...
E amanhã ligarei novamente,
Pois assim sempre estarei adiando:
- Aquilo que você quer muito
- Aquilo que eu jamais quero

Você está na dúvida se o fio azul ou vermelho
Poderá fazer com que a bomba do seu coração pare
E você reza por isso
Mas deixe o terço descansando
Vamos jogar a vida na sorte de uma roleta
Não se preocupe, eu fecharei meus olhos se ficar com medo...
Afinal, são as estradas que sempre nos seduz á um caminho novo

Chore quando sentir vontade
Eu juro que fingirei que não estarei vendo
E contarei uma piada estúpida
Inventarei uma história que roube um pouco de sorriso de nós
Então não se preocupe com o que eles estão pensando
Enquanto isso vamos sentar e beber mais uma cerveja
Somos irmãos, temos um ao outro até mesmo na melancolia
No desprezo da multidão que se assusta com nossa música fora de moda

No fim da noite eu confio que irei voltar para o meu quarto
Limpar meu coturno de mais um rock repetido
E quando acordar, a minha certeza me dirá que você vai responder,
Quando eu ligar mais uma vez no seu celular pra saber...
Pensadores | edit post
Notas 
0 Responses

Postar um comentário