Marianne
Postado por Paulo Coelho em 06 de junho de 2009 às 00:00

Numa aldeia do deserto, as frutas eram raras. Deus apareceu a um profeta, e deixou um mandamento: “cada pessoa só pode comer uma fruta por dia”.

O costume foi obedecido por gerações.

O povo da aldeia irrigou o deserto, e plantou mais árvores. As frutas começaram a surgir em abundância. Mas todos respeitavam o mandamento, e as frutas apodreciam no chão.

A lei continuava, pois o profeta que a recebera havia morrido.

Um novo profeta surgiu: “agora já podem comer quantas frutas quiserem”, dizia.

Foi apedrejado.

As pessoas começaram a achar Deus ridículo, por permitir apenas uma fruta por dia. Os jovens abandonaram a religião, para comer o que queriam. E na igreja ficaram os que se achavam santos. Mas na verdade eram pessoas que tinham pavor de mudar qualquer coisa.
Pensadores | edit post
Notas 
0 Responses

Postar um comentário