Marianne
É no barulho do seu silêncio
Que todas as pétalas voam ao vento
No seu acordar e dormir a todo o momento
Gira em torno de ti meu pensamento

Canta em minha pele sua serenata
Seu abraço de acolhimento e seu beijo de despedida
Já terminou a primavera e nossa temporada
É hora de aceitar a sua partida

Seu sorriso e meu choro
Seu sucesso e minha falha
Sua alegria e meu sufoco
Sem você é estar sem nada

Sorria uma ultima vez coração
Há tantos que querem te pegar
Abra os olhos e veja alguma emoção
Não há mais nada que eu queira amar


Mari, 21 de abril de 2011
Pensadores | edit post
Notas 
0 Responses

Postar um comentário